segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Características cognitivas e afetivas do superdotado





TERÇA-FEIRA, 6 DE DEZEMBRO DE 2011
Características cognitivas e afetivas do superdotado
 A literatura que aborda o assunto superdotação e altas habilidades é bastante abundante. A superdotação escolar, também conhecida como “Habilidade do teste ou da aprendizagem da lição, pois o que é facilmente identificado nos testes de QI para a entrada em programas especiais.
As crianças que apresentam superdotação escolar tendem a apresentar as seguintes características(Renzulli & Reis, 1997a):
Tira notas boas na escola
Apresenta grande vocabulário
Gosta de fazer perguntas
Necessita pouca repetição do conteúdo escolar
Aprende com rapidez
Apresenta longos períodos de concentração
Tem boa memória
É perseverante
Apresenta excelente raciocínio verbal e/ou numérico
É um consumidor de conhecimento
Lê por prazer Tende a agradar aos professores
Gosta de livros técnicos/ profissionais
Tendência a gostar do ambiente escolar
Dentre suas características afetivo-emocionais deste grupo, Renzulli e Reis (1997a) destacam:
O superdotado do tipo “escolar” tem necessidade de saber sempre mais e busca ativamente por novas aprendizagens. No entanto, pode estabelecer metas irrealisticamente altas para si mesmo (às vezes reforçadas pelos pais) e sofrer por medo de não atingir tais metas.
Demonstra perseverança nas atividades motivadoras a ele
Apresenta grande necessidade de estimulação mental
Apresenta grande intensidade emocional
Tem paixão em aprender
Revela intenso perfeccionismo.
Já a superdotação criativo-produtiva implica o desenvolvimento de materiais e produtos originais; aqui, a ênfase é colocada no uso e aplicação da informação – conteúdo – e processos de pensamento de forma integrada, indutiva, e orientada
para os problemas reais. As crianças que apresentam a superdotação do tipo criativo-produtiva tendem a apresentar as seguintes características (Renzulli & Reis, 1997a):
Não necessariamente apresenta QI superior Pensa por analogias
É criativo e original
Usa o humor
Demonstra diversidade de interesses Gosta de fantasiar
Gosta de brincar com as idéias
Não liga para as convenções
É inventivo, constrói novas estruturas
É sensível a detalhes
Procura novas formas de fazer as coisas
É produtor de conhecimento
Não gosta da rotina Encontra ordem no caos
Renzulli e Reis (1997a) destacam neste grupo as seguintes características afetivas e emocionais:
Investem uma quantidade significativa de energia emocional naquilo que fazem.
Apresentam preocupação moral em idades precoces
Necessitam de professores sensíveis aos seus intensos sentimentos de frustração, paixão, entusiasmo, raiva e desespero.
Precisam do apoio dos adultos para persistir em suas tarefas ou para canalizar suas energias de forma mais eficiente.
Frequentemente questionam regras/ autoridade
Demonstram sensibilidade / empatia
Demonstram autoconsciência
Demonstram perceptividade (insight)
Demonstram capacidade de reflexão
Apresentam senso agudo de justiça
Apresentam imaginação vívida

3 comentários:

  1. Oi, Cláudia!
    Acabo de descobrir seu blog e já estou devorando tudo! Tenho uma filha que foi avaliada por um Psicologo que sugeriu ser alto habilidosa e gostaria de saber de vc se conhece algum centro/entidade que defina com segurança essa situação, de maneira que eu possa me basear em laudos sério - e não em "corujisse" - para continuar as reuniões com a escola! Ela tem 7 anos e moramos em São Paulo, próximo ao centro. Muito obrigada!

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada pela atenção, Cláudia!
    Já pedi participação no grupo do facebook e entrarei em contato com o núcleo!
    Bom dia!

    ResponderExcluir